19 de abril de 2021
Olhar Brasilia
Lá na minha rua

Brasília vai deixar a sua marca

Pra você, qual imagem é a cara de Brasília? São as formas da nossa arquitetura, mundialmente conhecida pelos monumentos de Niemeyer? Ou a arte de Athos Bulcão, que enche de cores e brinca com as formas geométricas nos nossos caminhos diários? Ou ainda os ipês, que se tornaram um dos nossos maiores símbolos, deixando a cidade muito mais bonita durante a seca?!

Para achar a imagem que traduza um pouco de todas as nossas belezas e dessa identidade multicultural de cidade surgiu a ideia do concurso Marca Brasília, que recebeu mais de 500 inscrições. Três delas foram selecionadas para a final e é o brasiliense que vai escolher a que melhor nos representa.

A votação foi prorrogada até 29 de novembro, quando será anunciado o ganhador, durante a cerimônia do Prêmio Colunistas. Para escolher a sua preferida, basta acessar:  http://www.marcabrasilia.com.br/Home/VotoPublico ,preencher o cadastro, e escolher uma das três logos finalistas, que você pode ver também aqui no Olhar Brasília.

Que tal homenagear as nossas árvores?! “Essa marca tem o Eixo Monumental e as cores dos ipês. É onde se concentram os monumentos e, também, nos remete a cidades inteligentes”, destaca Claudia Maldonado, presidente da Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing do Brasil no DF.

Vale também uma referência à obra de Athos Bulcão e seus belos painéis de azulejos, que alegram a nossa paisagem e integram as artes plásticas à arquitetura e ao nosso dia a dia, tornando os caminhos mais alegres e lúdicos.

Ou uma representação do skyline da cidade, destacando as curvas dos monumentos de Niemeyer. Para Claudia Maldonado um desenho que “é único no mundo, porque o estilo da nossa arquitetura já acabou”.

O concurso é uma iniciativa da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Distrito Federal, Fecomércio, em colaboração com diversas entidades da capital. Qualquer pessoa pode fazer uso gratuito da marca vencedora, que passará por um refinamento em comum acordo com o autor, desde que cumpra as regras de uso.

“O que nós queremos é que as pessoas se mobilizem e percebam que Brasília é muito maior que qualquer outra situação, como a política. A cidade é, na verdade, um espelho do que o país é”, conclui Cláudia. Além de inspirar os brasilienses, a marca vencedora deve ajudar no fortalecimento do turismo na cidade, com a criação de uma identidade visual que se torne conhecida pelo mundo afora.

E você, já escolheu a sua preferida? 

Você também pode gostar

Nenhum comentário

Deixe uma resposta