22 de julho de 2019
Olhar Brasilia
Capa Mexeu com Brasília, Mexeu Comigo!

Cenários de uma Brasília que inspira

A Brasília que encanta do céu ao concreto. Olhares diferentes, cenários diversos, mas inspirados pelo mesmo sentimento contemplativo da cidade. As três imagens vencedoras da categoria Amador do Prêmio Olhar Brasília de Fotografia passeiam por Águas Claras, Samambaia e Plano Piloto.

O prêmio recebeu mais de 500 inscrições. Cada participante só podia concorrer com uma foto. Todas as da categoria amador foram postadas no Instagram do Olhar Brasília para uma votação popular. As 10 fotos mais curtidas se tornaram finalistas. Foram 140 mil curtidas ao todo. O conjunto de imagens classificadas, então, foi submetido à avaliação da comissão julgadora, formada por 13 integrantes (veja a lista completa abaixo). E assim foram definidas as fotos vencedoras.

A diversidade de olhares e de endereços dos vencedores enriquece ainda mais o prêmio, que procurou ressaltar todas as ‘brasílias’ que existem além do Plano Piloto. Diovane Zica mora em Águas Claras; Thiago Barreto, em Samambaia; e Dilton Alves, em Planaltina. Os autores das imagens relembram aqui o momento em que se sentiram motivados a fazer cada um a sua foto.

Categoria Amador

Diovane Zica – 1º lugar

“Sou morador de Brasília desde 1994 e vim de Minas para procurar uma nova
oportunidade. Minha relação é de amor, como uma segunda cidade natal. A foto representa a minha moradia, em Águas Claras, o que eu gosto de fotografar em Brasília, que é o céu junto com uma parte de concreto. Foi a minha família que comentou que tinha um arco-íris lá fora. Eu não achava que fosse ficar tão bacana, mas consegui retratar de uma maneira bem legal. Só o fato de estar entre os 10 finalistas, para mim, foi muito importante. E ganhar foi melhor ainda.” (foto da capa do post)


Thiago Barreto – 2º lugar

Minha foto veio em um momento de insônia, que tenho quase sempre. Em um dia,
acordei umas 5h da manhã, onde moro, em Samambaia, e tirei a foto. Acho que ela representa Brasília, por causa de o céu estar sempre colorido – vermelho, amarelo ou roxo. Sempre tem uma cor que representa a cidade. Para mim, é importante ter o reconhecimento do prêmio.


Dilton Alves – 3º lugar

Cresci em Brasília e tenho muito carinho pela cidade. A foto que tirei foi inspirada em um momento em que estava passando pela Rodoviária. Vi o movimento, o fluxo, e logo pensei em uma longa exposição para demonstrar, realmente, a correria que nós temos aqui. Um dia a dia na Rodoviária, onde todas as regiões administrativas acabam se encontrando.

Parabéns aos vencedores e a todos que participaram do Prêmio Olhar Brasília de Fotografia, que convidou o brasiliense a olhar com atenção todos os pontos do nosso quadradinho! Veja aqui como foi a festa de premiação.

Fotos da premiação – Laycer Tomaz

Diovane Zica Ferreira recebe o prêmio de primeiro lugar na Categoria Amador das mãos do presidente da Fecomércio-DF, Francisco Maia.

Thiago Barreto Braga recebe o prêmio de segundo lugar na Categoria Amador das mãos do diretor da TV Globo Brasília, Cláudio Corrêa.

Dilton Alves Café Filho recebe o prêmio de terceiro lugar na Categoria Amador das mãos da jornalista e cronista Conceição Freitas.

Lista de jurados da Categoria Amador do Prêmio Olhar Brasília de Fotografia:
Amaro Junior – professor do núcleo de economia criativa do IESB/ Ana Rodrigues – gerente de marketing do Venâncio Shopping/ Delio Lins e Silva Jr – presidente da OAB-DF/ Dhi Ribeiro – cantora/ Eliane Cantanhêde – colunista do jornal O Estado de S. Paulo e da Globonews/ Francisco Emílio Marinho – dono do bar Beirute, na Asa Norte/ Márcia Witczak – jornalista responsável pela Agenda do DFTV na TV Globo Brasília/ Max Maciel – ativista, empreendedor social e produtor cultural/ Osório Adriano – presidente da Brasal/ Paulinho Madrugada – produtor cultural e de eventos/ Rodrigo Freire – presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) do DF e do Brasília Convention Visitors Bureau/ Tiago Correia – assesoria de eventos e relacionamento empresarial/ Valdir Oliveira – Superintendente Regional do SEBRAE/

 

Você também pode gostar

Nenhum comentário

Deixe uma resposta